Uso do lsmod, modprobe e /procfs

Como carregar módulos no Kernel Linux



Nesse vídeo, eu mostro um exemplo prático de como manipular (load e unload) módulos no Kernel Linux.

Usando o lsmod e a leitura do /proc/filesystems, capturo os módulos carregados no sistema. Com o modprobe carrego o módulo isofs (iso9660), previamente suportado, no meu Kernel LTS 4.19.84-1, disponibilizado no diretório /lib/modules/$(uname -r)/kernel/fs/isofs/.

Por fim, removo o módulo usando o “modprobe -r”

Gostou do conteúdo?

Olá! Quem escreve aqui é o Ricardo Ferreira, um desenvolvedor web independente, administrador de sistemas Linux e solucionador de problemas nato. Mirando a ciência de dados!

Procurando ajuda? Estou disponível para ser contratado como consultor ou freelancer. Quer entrar em contato? Dá uma olhada na minha página de contato. Abraços!

Ah... quase esquecendo, aceito um café

Contribua

Alguma contribuição, crítica ou problema encontrado? Reporte aqui! Basta alterar o arquivo de texto, diretamente no Github e abrir um pull-request!